Capivara é maltratada e morta em Fortaleza

Imagens de uma capivara sendo amarrada, maltratada e morta por moradores do Bairro Quintino Cunha, em Fortaleza, circularam nas redes sociais nesta semana. O animal foi morto e a carne usada para churrasco, conforme a denúncia. O caso é considerado crime ambiental, conforme a lei 9.605, de 1998. O vídeo foi registrado pelos próprios moradores, que são procurados pela polícia.

De acordo com o presidente da Sociedade Protetora dos Animais, Márcio Sousa, o caso aconteceu na Rua Baixa dos Milagres. Pelo menos três pessoas são apontadas como autores principais do crime. Ao receber o vídeo, Márcio foi ao local com a polícia, mas, ao chegar, constatou que os moradores tinham comido o animal.

Segundo o presidente da Sociedade, o churrasco aconteceu em um bar, na Rua Rio Novo. A polícia encontrou o local fechado após a repercussão das imagens.

Márcio afirma que essa foi a primeira ocorrência envolvendo uma capivara em Fortaleza. O animal não é comum na capital cearense, embora seja visto em outras regiões do estado.

A capivara foi capturada enquanto tomava banho na região. A teoria de Márcio é que o animal saiu de um mangue nas proximidades do bairro, e foi procurar um local para se refrescar devido ao calor.

A Sociedade Protetora dos Animais pede que a população entre em contato caso encontre animais raros perdidos na cidade. O telefone da equipe para solicitar o serviço é (85) 98833-0283.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *