Nutricandies: a alquimia do cacau com extratos vegetais

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Gustavo  Henrique Amaral  é diretor e fundador da Nutricandies, criada em 2016, uma empresa de tecnologia de elaboração sediada em Goianira, a 30 quilômetros de Goiânia, e que desenvolve cremes de chocolate veganos formulados com cacau e extratos vegetais de cenoura, couve e beterraba, entre outros. Nesta entrevista exclusiva ao Portal VegNutri, Gustavo conta como o sonho de “nutrir a vida com mais sabor” começou a se tornar realidade.

VegNutri: Conte-nos um pouco sobre você e como surgiu a ideia deste produto inovador.

Gustavo: Me chamo Gustavo Henrique Amaral Monteiro Rocha, tenho 19 anos, sou formado em técnico em Química e atualmente curso Engenharia Química na Universidade Federal de Goiás. A ideia deste negócio surgiu também no Ensino Médio. Eu desenvolvia pesquisas científicas no IFG (Instituto Federal de Goiás) e sempre tive interesse em resolver e propor soluções para problemáticas, como nutrição e tratamento de efluentes. E nesse cenário, a minha irmã mais nova e que estava com um pouco de sobrepeso, adorava doces e detestava qualquer tipo de vegetal. Então, pensei se era possível desenvolver algo que agradasse ao paladar das crianças como doces e mantivesse os nutrientes necessários como os dos vegetais. Deste modo, em laboratório, diversas fórmulas de produtos foram planejadas e estudadas, com controle de temperatura, textura, sabor e nutrientes. Até que após 8 meses, uma fórmula e um processo ideal foi identificado, um chocolate cremoso de vegetal, e este produto foi validado com um público de 400 analistas, com aprovação de 80% do público.

VegNutri : Quais foram os principais desafios enfrentados ao longo desta trajetória?

Gustavo: Os principais desafios enfrentados ao longo da trajetória foi conciliar a minha vida acadêmica com a vida empreendedora. Estar na faculdade e ao mesmo tempo gerir seu próprio negócio não é fácil.

VegNutri : Qual foi a influência de sua participação no SGB Lab, um laboratório pioneiro no Brasil que apoia empreendedores a desenhar e validar ideias que usam tecnologias para impacto social?

Gustavo: Foi no SGB Lab que identificamos que o nosso produto tinha uma alta gama de contribuição para a sociedade e não exclusivamente para o público infantil. Neste laboratório de inovação, nós realizamos diversos estudos e testes que foram capazes de nos mostrar que o nosso produto tinha um forte apelo para diversos públicos, os fitness, os veganos, os intolerantes à lactose e ao glúten, e o mais interessante, é que no mercado atual, diversos segmentos de produtos seguem linhas distintas para atender diferentes nichos do mercado, o que faz com o que produto encareça, e nós por associarmos todas as soluções das necessidades de distintos públicos, conseguimos manter o preço acessível de nossa linha. Foi durante esta participação, também, que pivotamos  nosso modelo de negócios para uma ação social – uma guinada no rumo do negócio – , com iniciativas que contribuem ainda mais para impacto social positivo e sustentável.

Vegnutri: Pode nos contar sobre o programa “Nutrição para Todos”?

Gustavo:  Fundamos o Programa Nutrição para Todos visando conectar produtores caseiros e informais, principalmente com o público feminino, de comunidades mais vulneráveis com a nossa plataforma. Nosso objetivo é contribuir para o acesso de produtos mais nutritivos para comunidades, que pelos meios tradicionais são incapazes de obter. Deste modo, além de fornecermos treinamentos provenientes de diversos parceiros de todo o Brasil, nós fornecemos os nossos insumos por preços mais acessíveis, para que ao invés de utilizarem insumos desprovidos de nutrientes, utilizem o nosso insumo (chocolate cremoso), que pode ser substituído pelo leite condensado, brigadeiro comum, chocolate em calda e diversos outros produtos. Contamos com diversas linhas que podem atender qualquer demanda. Estes produtores conectados, poderão vender seus produtos mais nutritivos para sua própria comunidade por um preço baixo.

Gustavo, o fundador da Nutricandies

VegNutri : Como são feitos os chocolates?

Gustavo: Os chocolates cremosos são feitos sob controle de temperatura, através da elaboração de fórmula de chocolates a partir de teor de cacau e extratos vegetais (como cenoura, couve, beterraba, e frutas). Passamos por um processo rígido até a constituição final, o que garante um produto final de sabor agradável, baixo teor de gorduras e açúcares, sem lactose e sem glúten.

VegNutri:  E como tem sido a aceitação do produto com o público adulto e infantil?

Gustavo: Nosso produto tem grande aceitação, tanto do público adulto quando do público infantil. Já contamos com vendas  na região metropolitana de Goiânia e estamos viabilizando a expansão do negócio. Como os primeiros produtos tiveram alta rejeição (chocolate cremosos de rúcula,  couve), nós pivotamos nossa planta de produção e passamos a utilizar também frutas em mix com outros vegetais, garantindo a presença dos nutrientes e a agradabilidade do paladar. Atualmente, temos dois produtos maior aceitação do público: Cenoura com Castanhas e Citrus.

VegNutri : Quem é seu público -alvo, além dos veganos?

Gustavo: Além dos veganos, nosso público alvo são pessoas fitness, intolerantes a lactose e glúten, além de pessoas que querem ter uma dieta mais balanceada e agradável. Além disso, temos um viés e um apelo para o público infantil.

VegNutri : Quais são os projetos futuros da Nutricandies?

Gustavo: Os nossos projetos futuros incluem expandir nossa linha de produção para frutas e vegetais típicos regionais e a venda através de outras empresas para diversas regiões do país. Além disso, desejamos expandir o nosso Programa Nutrição para Todos por todo o território brasileiro.

VegNutri:  Qual a previsão de maior abrangência?

Gustavo: A nossa previsão  é até o segundo semestre deste ano.

VegNutri : Como você analisa o crescimento do público vegano nos últimos anos, sobretudo nos grande centros urbanos?

Gustavo: Eu observo que as pessoas estão mais preocupadas com o que consomem, com a origem e metodologia de produção de seus alimentos.  E isso inclui também o público vegano e os que apelam por alimentos sustentáveis e naturais. É inevitável observar que para um alimento ser sustentável, ele também, ora, deve vir a ser vegano, pois a cadeia de exploração animal é cruel e enraizada em nossa sociedade. Vivemos em tempos de mudanças reflexivas, e conscientizar sobre nossas ações, diretas e indiretas, vem ganhando grande espaço – nos tornando responsáveis pelo que consumimos e também o que produzimos. E é por esta razão que muitas vezes algumas empresas (as iniciantes) apelam para o mercado vegano pois estão alinhados com seus ideais, e não necessariamente (como grandes empresas fazem) para conquistar o mercado.

Observação: Apesar de a ideia inicial ter partido por uma problemática infantil, desde os primórdios, não utilizamos matéria de origem animal, pois, eu, Gustavo, o idealizador do produto, apesar de ainda não ser vegano, tenho uma ideologia alinhada com este segmento e desde a elaboração, pensei em uma fórmula mais sustentável.

Contato: Nutricandies

Um comentário em “Nutricandies: a alquimia do cacau com extratos vegetais

  • 5 de junho de 2017 em 20:40
    Permalink

    Parabéns Gustavo Deus lhe abençoe!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *