Padre resgata cães para serem adotados

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), hoje já são mais de 30 milhões de animais abandonados no Brasil, entre cães e gatos. No entanto, algumas pessoas, como um padre João Paulo, da cidade de Gravatá (PE), fazem o que podem para reverter a situação destes animais. Ele costuma levar cães abandonados da sua cidade às missas que comanda na Paróquia de Santana, para que assim as pessoas possam adotá-los.

Porém, se mesmo com a vitrine das missas eles não sejam notados, para as ruas eles não voltam mais. Padre João, que já salvou dezenas de animais abandonados, costuma levá-los para sua casa, até que eles encontrem um lar definitivo.

Soltos durante as missas, estes cachorros têm recebido carinho das pessoas que frequentam a igreja, que também ajudam o padre na busca de um novo lar, compartilhando a informação pela comunidade. Segundo algumas fontes, desde que João Paulo começou a fazer este incrível trabalho, o número de cachorros vagando pelas ruas já diminuiu bastante.

Além das condições precárias que vivem estes animais, não podemos esquecer que eles também podem representar riscos à nossa saúde. O contato direto com esses animais pode expor o indivíduo a riscos elevados de zoonoses, ou seja, de doenças que são transmissíveis aos seres humanos.

Se uma das soluções é a castração, algumas cidades começaram a encontrar outras maneiras de lidar com o problema, como é o caso de Santos – SP. Há 5 dias, o prefeito sancionou uma lei que proíbe a comercialização de animais na cidade. A iniciativa pretende acabar com a concessão e renovação de estabelecimentos comerciais que vendam animais no município.

Leia também:

Rio de Janeiro pode ser segunda cidade a proibir venda de animais

Jogadora Marta vai construir abrigo para animais abandonados

 

Não compre, adote!

Fonte: Hypeness

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *